VOCÊ VIU? Avião tem motor desligado durante voo e tem rota desviada para Petrolina

Na tarde da última sexta-feira (31), às 17h06, 182 pessoas a bordo de um avião sofreram um grande susto e tiveram que mudar o cronograma para o Reveillón.

 

O Boeing 737-800, de matrícula PR- GXM, tinha programação para decolar no município de Juazeiro do Norte-CE, diretamente para o aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, no entanto, a aeronave chegou a decolar 4 minutos antecipadamente, uma vez que o prazo correto seria às 17h06, pouco antes da virada de ano.

 

Assim que decolou, o voo G3- 1875 parecia, aparentemente, tranquilo durante os 15 minutos iniciais, entretanto, perceberam que um dos motores (motor 2) apresentava pequenas falhas. Com isso, a equipe optou pelo desligamento geral do motor, que ficava à direita da aeronave, e, consequentemente, o avião sofreu uma grande alteração na rota e teve que parar, forçadamente, na cidade de Petrolina, no sertão de Pernambuco.

 

 

No entanto, esses jatos têm certificados para voar durante algumas horas com total segurança ao sofrer algum tipo de pane como nesta situação. O pouso forçado para outro aeroporto teoricamente mais perto deve-se ao fato de criar uma situação alternada e garantir a segurança do voo.

 

Depois do acontecimento, o site especializado em aviação ‘Aviaton Herald’, explicou que o avião da Gol envolvida nessa situação ficaria na cidade de Petrolina por 21 horas após o pouso forçado.

Compartilhar agora
X