URGENTE: Apoiadores de Trump invadem capitólio nos EUA. Uma pessoa foi baleada

Um grupo de apoiadores do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, invadiu nesta quarta-feira (6) o Capitólio, sede do Congresso americano em Washington, durante a contagem oficial dos votos do Colégio Eleitoral definidos nas eleições presidenciais de novembro, que deram vitória a Joe Biden. Segundo relatos, uma mulher foi baleada.

 

Donald Trump no Twitter, fez uma espécie de apelo pela paz. Trump, que há pouco mais de uma hora discursou aos manifestantes os incitando a não aceitar o resultado da eleição, tuitou pedindo aos partidários que “sejam pacíficos”.

 

Nesta quarta (06), mais cedo, o vice-presidente dos Estados Unidos no governo de Donald Trump, Mike Pence, disse nesta quarta-feira (06/01) que não impedirá a certificação pelo Congresso da vitória do democrata Joe Biden nas eleições de novembro, desafiando os desejos de Trump, o que gerou uma reação dura do presidente: “A Constituição me impede de reivindicar autoridade para determinar quais votos eleitorais devem ser contados e quais não devem”, afirmou Pence em nota divulgada enquanto a sessão conjunta do Congresso começava a certificar os votos do Colégio Eleitoral.

 

Por causa dos confrontos, a prefeita de Washington, Muriel Bowser, declarou toque de recolher na cidade a partir das 18h (locais, 20h de Brasília). A medida ficará em vigor por 12 horas. A prefeitura também fechou os centros de testagem para a Covid-19 até amanhã.

 

ATUALIZAÇÃO:

 

Presidente eleito, Joe Biden diz que isso não foi um protesto, foi uma ressureição e exigiu que Donald Trump vá até a TV e determine que todos saiam do Capitólio. Joe Biden ainda disse que esses acontecimentos “não refletem a verdadeira América”.

 

Após isso, Donald Trump enviou um vídeo, reiterou que as eleições foram fraudadas, mas pediu que os apoiadores saíssem do Capitólio e fossem para suas casas.

 

 

Compartilhar agora
X