TRAGÉDIA: Alec Baldwin mata acidentalmente fotógrafo em set de filmagem; Ator é visto aos prantos

Uma tragédia ocorreu no set de Rust, filme independente gravado ao sul de Santa Fé, no Novo México. Segundo o site Vanity Fair, o ator Alec Baldwin teria disparado uma metralhadora cenográfica, nesta quinta-feira (21/10), matando acidentalmente a diretora de fotografia Halyna Hutchins e ferindo o diretor Joel Souza.

 

Halyna, de 42 anos, foi transportada de helicóptero para o Hospital da Universidade do Novo México em Albuquerque, onde morreu. Souza, 48, foi levado de ambulância ao Centro Médico Regional Christus St. Vincent, em Santa Fé, e segue tratando os ferimentos, segundo a Delegacia da Comarca da cidade.

 

Em comunicado, a polícia afirmou que Hutchins e Souza “foram baleados quando uma arma de fogo foi disparada por Alec Baldwin, 68, produtor e ator.” “Os detetives estão investigando como [a arma de fogo foi usada] e que tipo de projétil foi disparado. Este incidente continua sendo uma investigação ativa. À medida que mais informações forem disponibilizadas, atualizações serão fornecidas. ”

 

O ator Alec Baldwin teria disparado uma metralhadora cenográfica, nesta quinta-feira (21/10), matando acidentalmente Halyna Hutchins.

 

A morte de Halyna foi confirmada pela International Cinematographers Guild, Local 600, sindicato internacional de diretores de fotografia. “Recebemos a notícia devastadora esta noite de que um de nossos membros, Halyna Hutchins, a diretora de fotografia de uma produção chamada Rust, no Novo México, morreu em decorrência de ferimentos sofridos no set”, disse John Lindley, presidente do grupo, em comunicado. “Os detalhes não estão claros no momento, mas estamos trabalhando para aprender mais e apoiamos uma investigação completa sobre este trágico evento. Esta é uma perda terrível.”

 

Segundo o jornal Santa Fe New Mexican, Baldwin, que também é uma das estrelas do filme, foi flagrado no estacionamento do local, muito abalado. Após o incidente, ele foi ao escritório do xerife “de boa vontade” e forneceu uma declaração aos investigadores de boa vontade, segundo reportou o porta-voz do escritório, Juan Ríos.

Compartilhar agora
X