Surto de gripe se espalha no Brasil e preocupa; confira cuidados básicos

O vírus da influenza H3N2 tem deixado vários Estados em alerta por conta do aumento no número de casos e mortes causados pela doença em dezembro. Rio de Janeiro, Alagoas e Bahia já registraram mortes pela doença, inclusive.  O H3N2 é um subtipo do vírus influenza A. Segundo o virologista Fernando Motta, da Fiocruz, no Rio de Janeiro, o aumento no número de casos de gripe pode estar associado ao relaxamento das medidas de prevenção contra a Covid-19, como o uso de máscara e o distanciamento social.

 

As medidas de prevenção contra a gripe comum são as mesmas utilizadas para evitar o contágio pela Covid-19: utilização de máscaras; higienização das mãos com água e sabão; uso de álcool em gel; manter os ambientes ventilados; não tocar os olhos e a boca constantemente; evitar aglomerações e locais fechados; e aderir à vacinação contra a gripe.

 

O virologista Fernando Motta, da Fiocruz, explica que a circulação dos vírus da gripe varia de um ano para o outro. Segundo ele, a vacinação é a principal forma de evitar o desenvolvimento de casos mais graves da doença. “As vacinas são atualizadas para cada epidemia, e mesmo que apenas um componente seja alterado é importante renovar a vacinação. Outro aspecto desejado é o efeito provocado pela nova vacina, que reforça as defesas ativadas no ano anterior”, disse.

 

*com informações da CNN

Compartilhar agora
X