SAÚDE: A importância do profissional de fonoaudiologia para recuperação de pacientes

Muito além da fala, fonoaudiologia é peça-chave na melhoria da qualidade de vida de pessoas acamadas ou com dificuldades de fala

 

A linguagem é o maior recurso que o ser humano possui para se comunicar. Ela é a base da cultura, sendo a ferramenta que reflete e traduz cada indivíduo. Mas, seja por motivo de doenças ou acidentes, uma pessoa pode perder esse poder e ter sua presença no mundo desconfigurada.

 

Nesses casos, a atuação do profissional de fonoaudiologia é essencial. Muito além de trabalhar com a voz ou fala, o fonoaudiólogo atua no cuidado e recuperação dos pacientes, como ocorre no home care. A assistência domiciliar (home = casa no inglês; care = cuidado) tem como principal função melhorar a qualidade de vida da pessoa enferma.

 

Para que serve a fonoaudiologia?

O fonoaudiólogo é o profissional que trabalha com os diferentes aspectos da comunicação humana. Cabe a esse especialista avaliar as necessidades dos pacientes em tratamento domiciliar, buscando melhorar sua qualidade de vida, diminuir dores e estabilizar os quadros clínicos.

 

É o fonoaudiólogo que, por exemplo, atuará para diminuir a dificuldade de deglutição do paciente. “A maior parte dos pacientes é acamado. Nosso objetivo é proporcionar maior conforto, porque eles sentem dores por conta do estado em que se encontram”, explica a fonoaudióloga Layara Nogueira. Para os que se comunicam, são realizados exercícios para melhoria da fala e fortalecimento dos músculos.

 

A rotina de atendimento desse especialista começa pelo contato com o paciente. Muitos não conseguem se comunicar verbalmente, eis então que surge a necessidade de ter um olhar atento. “É preciso observar o contexto do paciente, as expressões faciais dizem muito: se ele está com dor, se está confortável. Tudo começa com o carinho e o olhar humanizado, para entender o que está acontecendo durante o tratamento”, salienta a fonoaudióloga.

 

Layara Nogueira atua no serviço de home care da Petromed, empresa referência nesse tipo de serviço em Petrolina (PE) e Juazeiro (BA). Diariamente ela lida com pacientes com ou sem fala e destaca a necessidade de ofertar um atendimento humanizado. “A intenção do profissional de fono é possibilitar mais qualidade de vida e prevenir a piora do quadro do paciente, pois quando há piora no quadro, há um maior risco à vida”, pontua.

Compartilhar agora
X