Saiba o que fazer quando avistar um enxame de abelhas em Juazeiro e Petrolina

Somente neste mês de setembro, cerca de 70 chamados alertando para a presença de enxames de abelhas foram feitos em Petrolina-PE, segundo a Secretaria Municipal de Saúde. O óbito do idoso de 71 anos, ocorrido na última segunda-feira, foi o primeiro ocasionado por picadas de abelha na cidade.

 

A orientação para quem visualizar algum enxame é ligar para o número (87) 3867-4774, do Centro de Controle de Zoonoses, que repassa a demanda para o SOS Abelhas, grupo que nasceu em 2018, através de uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Petrolina e outras instituições do município, como o Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna), o Corpo de Bombeiros, a Associação de Criadores de Abelhas do Município de Petrolina (Ascamp), Vigilância Sanitária, entre outras.

 

Quando as equipes ficam sabendo dos enxames, alguns servidores vão ao local e averiguam a situação para posteriormente fazer a remoção, que acontece, geralmente, no período noturno, quando as abelhas estão “arranchadas”. Em Juazeiro-BA esse trabalho é feito pelo Projeto Abelha Viva, cujo telefone é (74) 988078757.

 

Sempre é válido lembrar: exterminar abelhas é crime. (Com informações da RedeGN)

Compartilhar agora
X