OVERDOSE DE CAFEÍNA: Homem morre após consumir o equivalente a 200 doses de café

Um personal trainer britânico morreu depois de tomar o equivalente a 200 xícaras de café de cafeína em pó. Tom Mansfield calculou mal a quantidade de pó que deveria usar na balança de cozinha. O inquérito apurou que a balança que Mansfield usou para pesar o pó tinha uma faixa de pesagem de 2 a 5.000 gramas, enquanto ele estava tentando pesar uma dose recomendada de 60-300mg. Foi este erro de cálculo que levou a uma enorme overdose.

 

O jovem de 29 anos, de Colwyn Bay, passou mal logo depois de tomar a mistura em 5 de janeiro de 2021. De acordo com o inquérito judicial, Mansfield começou a apertar o peito e reclamar que seu coração estava batendo rápido depois de consumir o produto. Minutos depois, quando havia se deitado, começou a espumar pela boca. Sua esposa Suzannah pediu ajuda a vizinhos e familiares e chamou uma ambulância. Os paramédicos tentaram ressuscitá-lo por 45 minutos, mas Mansfield acabou sendo declarado morto no Hospital Glan Clwyd em Bodelwyddan, Denbighshire.

 

O médico legista responsável, John Gittins, chegou à conclusão de que se tratou de uma fatalidade e afirmou que a causa da morte foi a toxicidade da cafeína. “A cafeína é usada por alguns frequentadores de academia — e alguns sites fitness recomendam seu consumo para melhorar o desempenho esportivo em determinadas doses”, disse. Especialistas alertam que, ao tomar suplementos em pó, existe o risco de consumir acima da quantidade recomendada. As informações são da BBC.

Compartilhar agora
X