Novo Ministro da Saúde pede que Brasil seja a “Pátria da Máscara”

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, pediu nesta sexta-feira (26) que os brasileiros se unam em uma “pátria de máscaras” para diminuir a circulação da Covid.

 

“Eu estava aqui conversando com amigos e lembrando que na época da Copa, a nação se une, se chama ‘pátria de chuteira’. Agora, é a pátria de máscara. Pátria de máscara. É um pedido que faço a cada um dos brasileiros: usem a máscara. Nós, do governo, vamos trabalhar para ter um aporte de vacinas suficiente para imunizar a nossa população”, disse Queiroga.

 

Queiroga defendeu uma lista de medidas capazes de prevenir o contágio pelo coronavírus, como lavar as mãos, manter o distanciamento social e usar máscaras. O ministro declarou, inclusive, que as máscaras têm um “poder de bloquear” o coronavírus “tão grande quanto a campanha de vacinação”.

 

O ministro pediu que, no feriado de Páscoa da próxima semana, os brasileiros façam suas “reflexões” sem aglomeração e usando máscara. As medidas para bloquear a circulação do vírus são a principal forma de reduzir contágio, internações e mortes. (G1) –

Compartilhar agora
X