Miguel Coelho anuncia nova equipe de governo e faz reforma administrativa

O prefeito reeleito de Petrolina, Miguel Coelho, decidiu promover mudanças na estrutura administrativa e no secretariado para o segundo governo. O político sertanejo enviou, nesta terça (22), à Câmara de Vereadores em caráter de urgência um projeto de lei para reforma da administração pública do município. Além disso, Miguel decidiu antecipar os novos nomes do primeiro escalão de sua equipe para 2021.

 

Na reforma, estão previstas poucas alterações robustas. Será criada a Secretaria de Agricultura, que antes era subordinada à pasta de Governo. O novo modelo traz ainda a junção das secretarias de Planejamento com Fazenda. Essas mudanças propiciadas pela reforma não irão acarretar qualquer aumento no orçamento municipal.

 

Já em relação ao secretariado, Miguel decidiu renovar parte da equipe. As pastas do Social, Economia, Educação, Procuradoria-Geral, Agricultura e Desenvolvimento Urbano terão novos líderes. Essas secretarias serão comandadas, respectivamente, por Glaucia Andrade, Flávio Guimarães, Plínio Amorim, Fernando Cavalcanti, vereador Gilberto Melo e Emício Junior. Além disso, o vereador Edilson Leite volta para a equipe de Miguel ocupando uma assessoria para atuar na área política e em ações voltadas à mobilidade. E Lucivane Lima passa a comandar a nova pasta de Fazenda e Planejamento.

 

Segundo o prefeito, as mudanças buscam manter o ritmo de trabalho intenso na gestão municipal e, ao mesmo tempo, inspirar novas idéias para o segundo mandato. “Antes de tudo, é preciso agradecer a todos que contribuíram conosco nesse primeiro governo. Se tivemos uma votação histórica da população de Petrolina, a maior do Nordeste, isso se deve muito ao empenho de cada um desses colaboradores. Aos que chegam, a mensagem foi muito clara: trabalho. Esse foi nosso compromisso nos primeiros quatro anos, e no segundo mandato a população vai nos exigir o dobro desse trabalho. O desafio é enorme, mas tenho convicção que escolhi a equipe certa para manter Petrolina como referência para todo o estado de Pernambuco”, afirmou Miguel.

 

Confira como ficará a estrutura da gestão de Petrolina para 2021:

 

Secretaria de Educação, Cultura e Esportes
O professor Plínio Amorim passa comandar a pasta

 

Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo
O atual diretor regional da Fiepe, Flávio Guimarães, assumirá a pasta

 

Secretaria de Agricultura
O vereador Gilberto Melo passa a cuidar das políticas voltadas para a agricultura

 

Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos
A cientista social Glaucia Andrade passa a liderar a pasta

 

Procuradoria-Geral do Município
O advogado Fernando Cavalcanti assume a pasta

 

Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade
Emício Junior

 

Secretaria de Fazenda e Planejamento
Lucivane Lima

 

Secretaria de Saúde
Magnilde Albuquerque

 

Secretaria de Infraestrutura, Serviços Públicos e Mobilidade
Fred Machado

 

Secretaria de Governo
Orlando Tolentino

 

Coordenador-geral das Assessorias
Giovanni Costa

 

Coordenadoria de Comunicação
Monyk Arcanjo

 

Controladoria-Geral do Município
Henrique Guerra

 

Chefia de Gabinete
Rodrigo Galvão

 

Autarquia Municipal de Mobilidade (AMMPLA)
Franklin Alves

 

Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA)
Geraldo Miranda

 

Agência do Empreendedor (AGE)
Sebastião Amorim

 

Agência Reguladora de Serviços Públicos do Município de Petrolina (ARMUP)
Rubem Franca

 

Instituto de Gestão Previdenciária do Município de Petrolina (IGEPREV)
Willames Barbosa

 

Diretor-presidenre da Agência de Vigilância Sanitaria
Marcelo Gama

 

Ouvidoria Municipal
Elania Freire

 

Procuradoria da Fazenda
Luzemberg Santos

 

Superintendência de Licitações
Auxiliadora Carvalho

Compartilhar agora
X