Lula admite que será candidato em 2022: “Não hesitarei”

“Serei candidato contra Bolsonaro”, revelou o ex-presidente Lula em entrevista divulgada parcialmente no site da revista francesa Paris Match nesta quinta-feira (20). Foi a primeira vez que o petista, após inúmeras especulações, confirmou que é pré-candidato às eleições de 2022, após ter recuperado os direitos políticos por decisão do Supremo Tribunal Federal. “Se estiver na melhor posição para ganhar as eleições e estiver com boa saúde, sim, não hesitarei”, complementou.

 

“Penso que fui um bom presidente. Criei laços fortes com a Europa, América do Sul, África, Estados Unidos, China, Rússia. Sob meu mandato, o Brasil tornou-se um importante ator no cenário mundial, notadamente criando pontes entre a América do Sul, África e os países árabes, com o objetivo de estabelecer e fortalecer uma relação entre países do Hemisfério Sul e demonstrar que o predomínio geopolítico do Norte não era imutável”, disse à revista.

 

Lula disse ainda que na semana passada esteve em Brasília onde conversou com mais de 60 políticos, de vários partidos. “Semana que vem vou conversar com os movimentos sociais, intelectuais e com o movimento sindical. Quero conversar muito. Quem faz política conversa. Dono da verdade, carrancudo, não serve para política”, acrescentou.

 

foto: Ricardo Stuckert

Compartilhar agora
X