JÁ IMAGINOU? Olimpíada de Paris em 2024 terá breakdance como modalidade

A Olimpíada de Paris-2024 incluirá o breakdance como categoria esportiva a pedido da própria anfitriã. O Comitê Olímpico Internacional (COI) permite que cidades-sede dos jogos recomendem modalidades para a edição realizada em casa. O estilo de dança de rua com giro sobre a cabeça e pernas para o alto foi a escolha da Capital francesa.

 

Para que o esporte seja incorporado, a Carta Olímpica exige o apoio da maioria dos membros do COI, como ocorreu em Paris. As modalidades candidatas são julgadas a partir de fatores como popularidade, participação internacional e “valor agregado ao movimento olímpico”.

 

Nos Jogos de Tóquio-2020, que terminaram nesse domingo (8), por exemplo, os japoneses tiveram aval para beisebol, caratê, escalada, skate e surf. Estas duas últimas modalidades renderam ao Brasil duas medalhas de prata para Rayssa Leal e Pedro Barros, no skate, e medalha de ouro no surf para o potiguar Ítalo Ferreira.

 

Os organizadores franceses resgataram os últimos três esportes e adicionaram o breaking. Incluir esportes que repercutem nas redes e são praticados “todos os dias, nas ruas e em qualquer lugar”, era uma meta. Ao todo, a edição parisiense terá 32 categorias.

 

A estreia desse símbolo da cultura urbana, um irmão do movimento musical nascido no gueto americano, é vista como mais um esforço do COI para rejuvenescer a audiência olímpica e engajar novos fãs.

Compartilhar agora
X