Imunização avançada: EUA retiram obrigatoriedade de máscara para vacinados

Nos Estados Unidos, muitas pessoas já estão podendo respirar ‘mais aliviadas’, sem fazer uso de máscara. É que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças, autoridade federal de saúde dos EUA, atualizou nesta quinta-feira (13) suas recomendações e permite que, a partir de agora, pessoas que já tenham tomado todas as doses da vacina permaneçam sem máscara em ambientes abertos ou fechados.

 

Ou seja, a decisão só é válida para pessoas plenamente imunizadas. Manter o distanciamento social também já não é obrigatório. A nova diretriz só não é válida quando há alguma regra específica dizendo o contrário (por exemplo, uma lei estadual diferente ou uma norma do local de trabalho) e durante as viagens – em ônibus, trens, aviões e transporte público. A orientação é que as pessoas que desenvolverem os sintomas da covid-19, mesmo as vacinadas, devem voltar a utilizar máscara e fazer o teste.

 

Adolescentes – A última atualização do Our World In Data aponta que cerca de 119 milhões de pessoas já foram totalmente vacinadas nos EUA, o que representa 36,3% da população. A campanha de imunização de 17 milhões de adolescentes entre 12 e 15 anos começou com força ontem (13) após a extensão da autorização da vacina Pfizer/BioNTech para essa faixa etária. É mais uma estratégia do presidente Joe Biden para tentar alcançar a imunidade de rebanho no país.

 

foto: reprodução/Poder 360

Compartilhar agora
X