Fé e emoção marcam Missa dos Vaqueiros de Curaçá

Conhecida como a “Terra dos Vaqueiros”, Curaçá, na Bahia, vivenciou neste último final de semana mais uma celebração religiosa marcando a data da festa cultural mais importante do município. Um dos pontos fortes da festa dos Vaqueiros de Curaçá, que já caminha para seus 70 anos de realização, é a Missa dos Vaqueiros, realizada na Igreja Matriz.

 

A celebração, que sempre reuniu presencialmente centenas de pessoas, desde o ano passado, em virtude da pandemia, vem sendo realizada no formato de live, com transmissão por emissoras de rádio e pelas redes sociais da Paróquia local e da prefeitura do município. Neste domingo (4) a população acompanhou, direto das suas casas, a celebração religiosa qe foi presidida pelo Padre Gilvan Regis e concelebrada pelo Padre Donizete. A missa foi marcada por emoção, aboios, musicas, poesias e outras apresentações culturais, com bênçãos e muitos pedidos de proteção para a figura dos vaqueiros, seus animais e familiares.

 

“A pandemia nos proibiu de reunir centenas de vaqueiros nesta tradicional missa, numa a verdadeira romaria de fé, mas não nos impede de realizar nesta amanhã a autentica celebração, com suas manifestações, na indumentárias e na religiosidade”, disse uma das celebrantes, já na abertura. Como no ano interior, já em meio à pandemia, além da missa, esse ano a população pode acompanhar das suas casas toda a programação, incluindo a Alvorada, com desfile de vaqueiros por ruas e avenidas da cidade, shows musicais e outras atividades culturais com transmissão radiofônica e pelas redes sociais da prefeitura de Curaçá e dos parceiros da organização.

 

Para assistir à celebração da missa e outros momentos da festa, é só acessar o Facebook da prefeitura de Curaçá, que toda a programação continua disponível.

Compartilhar agora
X