Evento experimental reúne 500 pessoas e não registra contaminados por covid-19

Intitulado PRIMA-CoV, um evento de música experimental que aconteceu em Barcelona, com cerca de 500 presentes, não teve nenhum infectado por coronavírus. Segundo o Anota Bahia, o evento não contou com distanciamento social, mas com uso obrigatório de máscaras N95 e fluxos de ar e ventilação reforçados. Os voluntários tinham entre 18 e 59 anos, não tinham comorbidades, não viviam com idosos e não haviam recebido diagnóstico de Covid-19 nos últimos 14 dias.

 

A festa foi promovida no dia 12 de dezembro pela Primavera Sound, junto da Fundação de Luta contra a Aids e Doenças Infecciosas, e do Hospital Universitário Germans Trias i Pujol. Quem participou assinou um termo de consentimento livre e esclarecido. No show, as bebidas alcoólicas foram servidas apenas no bar e a retirada da máscara só era permitida no momento de beber.

 

O evento durou cinco horas e incluiu apresentações de dois DJs e mais duas atrações de música ao vivo. Com testagem feita antes do show e 14 dias depois dele, o estudo foi considerado um sucesso, comprovando a possibilidade de um evento seguro sem distanciamento social, mesmo durante a pandemia.

Compartilhar agora
X