COVID-19: Ministério de Saúde reduz quarentena para sete dias em casos assintomáticos

Diante do forte avanço da variante Ômicron no Brasil, o Ministério da Saúde atualizou nesta segunda-feira (10) algumas regras para lidar com o isolamento de pessoas contaminadas pela Covid-19. Agora, a quarentena vai durar apenas sete dias e, além disso, terá a possibilidade  de realização de teste após cinco dias, desde que na ausência de sintomas.

 

Se o teste for negativo, o paciente vai poder deixar a quarentena após o quinto dia. Se for positivo, deverá continuar em isolamento, comunicou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério, Arnaldo Medeiros.

 

Vale ressaltar que, após os sete dias de quarentena, o paciente poderá retornar às atividades sem teste, desde que esteja há pelo menos 24 horas sem apresentar quaisquer sintomas respiratórios. Se os sintomas continuarem, um novo teste vai ser feito. Caso o diagnóstico seja positivo, o isolamento terá que continuar até o décimo dia.

Compartilhar agora
X