Câmara de Petrolina recorre, mas Justiça mantém suspensão da lei que aumenta cota de combustíveis para vereadores

A Câmara de Vereadores recorreu da decisão Vara de Fazenda Pública da Comarca de Petrolina que proibiu o aumento da cota, em ação impetrada pelo advogado Julio Lossio Filho. A Câmara pediu, em medida liminar, antes do julgamento final da matéria, que o juiz reconsiderasse a decisão anterior e permitisse os R$ 3 mil de combustível para os vereadores.

 

“O Juiz já indeferiu o pedido liminar e disse que não vai ter aumento de combustível para os vereadores de Petrolina. Mais uma vitória para a gente, mas a gente segue lutando, nas redes, nas ruas, e na Justiça, para frear, definitivamente, esse absurdo do presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina!”, comemorou Júlio Lossio Filho.

 

A Lei n° 3.410/2021 foi promulgada pelo presidente da Casa Plínio Amorim e publicada no Diário Oficial de Petrolina no dia 9 de julho, mesmo após repercussão negativa. Aero Cruz recebeu ofícios de, ao menos, nove vereadores que mesmo votando a favor da lei, decidiram abrir mão do reajuste da cota para combustível.

Compartilhar agora
X