Até a Uber? Sim, até a Uber! Viagem no aplicativo de carro também vai aumentar devido a alta da gasolina

Se você, nos dias em que está com pouco tempo, costuma fazer viagens de carro por meio de aplicativos, saiba que o valor da corrida também vai aumentar. A Uber anunciou na última segunda-feira (14) que o valor das viagens foi reajustado em 6,5% tendo em vista o aumento do preço da gasolina no país – algo que está assustando os motoristas do aplicativo. Segundo a empresa informou ao Estadão, o reajuste será repassado integralmente para os parceiros e deve ser aplicado no preço final das corridas de forma temporária.

 

“Sabemos que motoristas estão entre os primeiros a sentir o impacto dos preços recordes dos combustíveis, então estamos implementando essas iniciativas para ajudá-los. Esperamos que essas ações emergenciais colaborem para reduzir os impactos no dia a dia, mas continuaremos ouvindo nossos parceiros, especialmente neste momento”, diz Silvia Penna, diretora-geral da Uber no Brasil, em comunicado.

 

Recentemente a 99, rival da Uber no mundo dos aplicativos de transporte, também anunciou um aumento temporário de 5% no valor da corrida que será repassado para os motoristas por quilômetro rodado – essa medida não deve impactar os usuários. A empresa já testa uma solução de subsídio para acompanhar automaticamente as flutuações dos números. Para a plataforma, o recurso traria mais transparência e segurança aos seus colaboradores e clientes. No Brasil, segundo o UOL, o último reajuste anunciado pela Petrobras foi de 18,77% na gasolina, 24,9% no diesel e 16% no gás de cozinha. A estimativa é que o preço médio da gasolina nas bombas passe de R$ 6,57 para R$ 7,02.

 

Foto: Shutterstock/Reprodução

Compartilhar agora
X