Vacinação contribui para queda de 41% em números de casos da Covid-19 nos Estados Unidos

O número de novos casos de Covid-19 nos Estados Unidos caiu 41% nos últimos 14 dias, segundo informações do The New York Times. No mesmo período, houve queda de 22% nas mortes e 29% nas internações. Em comparação com o pico da pandemia no país, atingido em 8 de janeiro, quando foram registrados 300.619 casos, a redução foi de 81,5%.

 

De acordo com especialistas, vários fatores contribuem para a tendência, incluindo a imunização em massa e maior adesão a medidas preventivas, como distanciamento social e uso de máscaras, medidas amplamente defendidas pelo presidente Joe Biden. Até domingo, 14, cerca de 38,6 milhões de pessoas haviam recebido ao menos uma dose da vacina. Destas 14,1 milhões já completaram o esquema vacinal de duas doses.

 

No entanto, autoridades de saúde locais temem que as novas variantes do vírus possam causar novos surtos e que, em breve, haja falta de vacinas, já que a oferta não acompanha a demanda. A distribuição de imunizantes no país é considerada lenta e alguns estados já lidam com a iminente falta de doses. O estado de Nova York, por exemplo, deve esgotar seu estoque antes de sexta-feira, 19. Mas, de acordo com o governador Andrew M. Cuomo, mais unidades chegarão nos próximos dias.

 

Os Estados Unidos já garantiram cerca de 1,2 bilhão de doses, fornecidas por diferentes empresas, incluindo Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Johnson & Johnson, segundo informações do Duke Global Health Innovation Center. (Informações da Veja)

Compartilhar agora
X