Univasf, UPE e UFPE suspendem aulas a partir desta segunda (16) por conta do Coronavírus

Universidades e instituições de ensino de Pernambuco se reuniram na tarde deste domingo, 15, e decidiram suspender as aulas a partir desta segunda-feira (16), devido a pandemia do coronavírus. Entre os presentes, estavam a Universidade de Pernambuco (UPE), a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (Ufape), Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), IF-Sertão e a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), que é particular, mas resolveu aderir à decisão.

 

A medida será até o dia 31 de março, quando será reavaliada uma nova decisão: De acordo com a reitora da UFRPE, Maria José de Sena, a suspensão das atividades tem caráter preventivo: “Como gestores públicos e de instituições de ensino, com grandes aglomerados, temos uma responsabilidade dobrada. Isso porque não podemos pensar apenas na nossa comunidade. Em uma pandemia como essa, temos que ter menos gente circulando, é o que dizem os grandes nomes da epidemiologia. Não podemos ignorar quando uma contaminação já se instalou” disse ela.

 

EM JUAZEIRO:

A Reitoria da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) informa à comunidade acadêmica que as aulas do campus de Juazeiro (BA) e do Espaço Plural serão suspensas de 16 a 22 de março. A medida atende a recomendação da Prefeitura Municipal, conforme decreto 217/2020, extensiva às instituições de ensino do município, como medida preventiva ao Coronavírus (Covid-19) e ao H1N1.

 

A Reitoria destaca que as atividades letivas nos demais campi da Univasf, instalados em outros municípios da Bahia, Pernambuco e Piauí serão mantidas. A Univasf acompanha sistematicamente os protocolos das autoridades competentes e comunicados oficiais para cumprimento às determinações e orientação do Ministério da Saúde (MS) e dos órgãos de controle epidemiológico e sanitário locais.

Com informações do G1

Compartilhar agora
X