Tem que respeitar: Juazeirense elimina o Vasco nos pênaltis e avança à próxima fase da Copa do Brasil

Com muita raça, empenho e determinação, Juazeirense vence o Vasco nos pênaltis e avança à próxima fase da Copa do Brasil. O jogo foi intenso, muito disputado entre os dois times, mas prevaleceu a coragem do Cancão de Fogo, que conseguiu alcançar mais um feito inédito nesta competição.

 

 

Apesar do gol sofrido no começo da partida, a Juazeirense mandou no primeiro tempo e incomodou o time adversário em alguns momentos. Aos 35 minutos de jogo, após jogada aérea, Nildo Petrolina acertou um belíssimo chute na gaveta, sem chances para o goleiro rival. Golaço para empatar o duelo. Que chute! O Cancão de Fogo conseguiu chegar com muito perigo nos lados do campo, com tabelas e trocas de posição constantemente, e, por conta disso, confundia a marcação do Vasco.

 

 

O primeiro tempo foi equilibrado e bem jogado. A Juazeirense foi superior e andou perto de fazer o segundo gol, mas esbarrou em algumas defesas do goleiro do Vasco. A equipe adversária sentiu bastante a força da bola aérea do Cancão de Fogo, e, por conta disso, todo cruzamento levava perigo ao sistema defensivo do time visitante.

 

 

No segundo tempo, o panorama do jogo mudou pouca coisa. A Juazeirense adotou cautela, esperou o erro do time adversário e criou algumas oportunidades. O jogo finalizou em 1×1 no tempo normal e foi decidido nas penalidades máximas.

 

 

Nos pênaltis, o ídolo Rodrigo Calaça pegou duas cobranças, sendo uma delas batida pelo jogador Nenê, e todos os jogadores da Juazeirense converteram. Com isso, Cancão de Fogo eliminou mais um gigante brasileiro e vai à próxima fase da Copa do Brasil. Mais um feito grandioso na história deste clube nordestino.

 

 

 

Compartilhar agora
X