Solange Almeida confessa vício em cigarro eletrônico e faz alerta: “Pulmão lascado”

A cantora Solange Almeida revelou, pela primeira vez, que já foi viciada em cigarro eletrônico, e ainda alertou para sérios riscos que o uso trouxe à sua saúde. A revelação foi feita na última quinta-feira (24), no podcast EmPODeradas.

 

A artista confessou que já sofre com os efeitos colaterais psicológicos e tem até problemas pulmonares. Seu vício começou há dois anos, em 2020.”Eu não tinha falado disso até hoje e queria que isso servisse de alerta para as pessoas. Em 2020, final de 2020, fui apresentada ao cigarro eletrônico, estava com uma turma e tal. E aí comecei a usar aquilo e virou aquela coisa de: ‘c*r*lho, é bacana isso aqui! Eu vou usar!’ Aí comecei a usar”, começou.

 

Segundo a famosa, ela se viciou sem perceber: “Quando eu fui ver, quando eu fui dar conta de como eu estava, eu já estava, digamos que, realmente viciada naquilo, sabe… Do meu pulmão ficar lascado, entendeu?”, acrescentou Solange, que chegou a sofrer com crises de pânico e ansiedade, até que resolveu se livrar do cigarro eletrônico. “Foi um processo muito difícil, de ansiedade… Aquilo começou a me trazer um estado de ansiedade que vocês não têm ideia do que eu passei. Eu ouvia vozes”, relatou.

Compartilhar agora
X