Saiba como vai funcionar e quem tem direito ao auxílio emergencial para trabalhadores do São João em Petrolina

Em coletiva de imprensa realizada na manhã desta quarta, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, sancionou a lei do auxílio financeiro emergencial para diversas categorias do ciclo junino oficial. O objetivo é garantir uma fonte de renda extra para mais de 900 trabalhadores do tradicional evento nordestino. Também foi detalhado quem terá direito e quais os critérios para adquirir o benefício.

 

O auxílio será destinado a vendedores ambulantes, garçons, cantores, sanfoneiros, quadrilheiros entre outros profissionais que participaram dos festejos ao longo do ciclo junino. Para ter direito ao recurso, os trabalhadores precisarão se inscrever na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, além de comprovar residência em Petrolina e atuação durante o São João em 2018 ou 2019.

 

O pagamento será em cota única a partir de agosto. Para os garçons, ambulantes, membros de quadrilhas juninas e violeiros será garantido um auxílio de R$ 400,00. Já para cantores, bandas entre outros grupos artísticos, o valor será de 50% do cachê pago pela prefeitura no último ciclo junino, chegando até o pagamento máximo de R$ 5.000,00 pelo auxílio. Os recursos empregados no pagamento do benefício são oriundos da verba antes destinada à realização do São João.

Compartilhar agora
X