Rui Costa anuncia torcidas nos estádios e retorno das aulas 100% presenciais na rede estadual da Bahia

O Governo do Estado publicou, no Diário Oficial deste sábado (9), a atualização do decreto nº 20.658, que mantém autorizados os eventos e as atividades com a presença de até 1,2 mil pessoas, incluindo aqueles com venda de ingressos, e detalha os requisitos para a realização de eventos esportivos profissionais com a presença de público. Os centros esportivos, como os estádios de futebol, devem ter a ocupação limitada ao máximo de 30% da capacidade do local, respeitando os protocolos sanitários, especialmente o distanciamento social e o uso de máscaras.

 

Não será permitida a venda de bebidas alcóolicas e os torcedores devem comprovar que tomaram as duas doses da vacina contra covid-19 ou a dose única, mediante apresentação do documento de vacinação fornecido no momento da imunização ou do Certificado Covid, obtido por meio do aplicativo ‘Conecte SUS’, do Ministério da Saúde. O decreto, válido até 19 de outubro, estabelece ainda o controle dos fluxos de entrada e saída nas dependências do local do evento esportivo e o contingenciamento de público nas regiões adjacentes de modo a evitar aglomerações.

 

Aulas – A partir do dia 18 de outubro, as escolas da rede estadual de ensino da Bahia devem retomar o modelo de aulas 100% presenciais. O ano letivo continuum 2020/21 na rede estadual de ensino começou no dia 15 de março e migrou para o híbrido, com aulas semipresenciais, no dia 26 de julho para o Ensino Médio e no dia 9 de agosto para o Ensino Fundamental. De acordo com a secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, dentre os parâmetros essenciais para o retorno das atividades letivas no modelo presencial, analisa-se o avanço da vacinação e as taxas de mortalidade, incidência e ocupação de leitos de UTI exclusivos para o tratamento da Covid-19.

Compartilhar agora
X