‘Projeto Arte contra a Pandemia’ vai beneficiar classe artística de Juazeiro em Juazeiro

O prefeito Paulo Bomfim, acompanhado do secretário Sérgio Fernandes, artistas e autoridades da área cultural, sancionou nesta terça-feira (09), o projeto Arte Contra a Pandemia, criado para fortalecer as categorias que, por força da crise sanitária, estão impossibilitadas de exercer as suas atividades. A iniciativa da Prefeitura Municipal, aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal, usará a arte e os talentos locais para conscientizar a população sobre medidas preventivas ao contágio pelo novo coronavírus.

 

Marcos Velasc, presidente do Conselho de Cultura do Município, reconheceu a importância da iniciativa. Para ele, “o setor de cultura foi um dos mais impactados pela pandemia. Os artistas da música e das artes cênicas, para citar alguns segmentos, tiveram suas atividades abruptamente interrompidas e o projeto chega em boa hora para amenizar os problemas da classe. É um grande passo”.

 

Samuel Moraes, assessor especial da Prefeitura de Juazeiro, destaca que o projeto Arte Contra a Pandemia “é uma forma criativa que o governo Paulo Bomfim, em conjunto com a Câmara de Vereadores, aprovou e tornou viável para que diversas categorias, parceiras na realização de eventos como o Festival Edésio Santos da Canção, Festival de Teatro Wellington Monteclaro e São João nas Comunidades, possam ser contempladas, além de possibilitar abrir novos caminhos para a classe”.

 

A realização do projeto será de responsabilidade da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (Seculte), e passa a valer tão logo seja publicado no Diário Oficial do Município. Titular da pasta da cultura, Sérgio Fernandes, avalia o projeto como “mais uma ação do prefeito Paulo Bomfim, dentro das políticas públicas de governo, que busca dialogar e atender a todos os segmentos da nossa sociedade”.

Compartilhar agora
X