Problemas psicológicos, enxergou Deus, e chamou para ‘brincar’: as versões do caso envolvendo casada e sem-teto

O personal trainer Eduardo Alves, que foi filmado agredindo um homem em situação de rua após flagrá-lo tendo relações sexuais com a esposa dele, se manifestou através de um vídeo nas redes sociais sobre o caso, onde diz está preocupado com a saúde da mulher, que está internada em um hospital. O personal reforçou que o caso foi de estupro, e pediu para que as pessoas parem de compartilhar ‘conteúdo ofensivo contra a honra da esposa’. “A preocupação deveria ser a saúde dela, até porque a mesma encontra-se internada”, disse Eduardo.

 

Em contra partida, a esposa disse que viu as “imagens do marido e de Deus” no rosto do homem e por isso fez sexo com ele, conforme aúdios que circularam nas redes. “Eu não conseguia nem falar e nem abrir meus olhos. Meu coração estava acelerado, mas eu não conseguia sentir ódio do homem que fez isso comigo porque eu só enxergava Deus nele. Eu só enxergava Deus. Não sei explicar”, diz a mulher em uma mensagem de áudio.

 

Além disso, ao Portal G1, a mulher também falou que foi abordada pelo sem-teto, que pedia dinheiro. Como ela não tinha, ele pediu para ver a bíblia que a moça havia ganhado do marido. Logo depois, o ‘mendigo’ pediu um abraço e os dois entraram no carro e trocaram caricias. Após isso, os dois se encontraram em um local combinado e tiveram práticas sexuais.

 

Do outro lado da história está o homem que acabou sendo espancado. Às autoridades, ele garantiu que o convite para o ato sexual partiu da mulher e que ele apenas concordou. O homem, de 48 anos, contou que a mulher parou o carro ao lado dele e intimou: “vamos brincar?”. Ao ouvir o convite, o homem entrou no automóvel e deu início ao ato. O sem-teto afirma que não conhecia a esposa do personal e que não sabia que ela era casada. No depoimento, divulgado pelo g1, o sem-teto conta ainda a esposa “gostou dele”. O caso é investigado pela 16ª Delegacia de Polícia, de Planaltina. As informações são do Correio 24h

Compartilhar agora
X