Petrolina vem registrando queda no número de pacientes internados em leitos públicos

A taxa de ocupação dos leitos públicos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI’s) vem apresentando uma queda nos últimos dias em Petrolina-PE. No boletim epidemiológico do dia 31 de julho, sexta-feira da semana passada, a taxa anunciada pela Secretaria Municipal de Saúde era de 66%. Ontem (6), esse número ficou abaixo de 50% – exatamente 44%.

 

A cidade dispõe de 50 leitos públicos de UTI distribuídos no Hospital Universitário da Univasf (20 leitos), no Hospital Memorial (5 leitos), No Hospital Neurocardio (5 leitos) e na Unidade de Pronto Atendimento Especializada (20 leitos).

 

Até as primeiras horas da tarde de hoje, o HU da Univasf estava com apenas 3 pacientes internados – número abaixo que foi foi registrado até o final da tarde de ontem – 5 pacientes – conforme o boletim da Secretaria de Saúde. Na UPAE, até nas primeiras horas da tarde de hoje, 10 pacientes estavam internados – apesar de ser dois a mais que o constado no boletim de ontem da SESAU, esse número está abaixo do que vinha sendo registrado nas últimas semanas.

 

Nos leitos intermediários, uma queda também está sendo observada. Dos 30 disponíveis na UPAE, apenas 3 estavam ocupados até hoje à tarde – no boletim de ontem, a Secretaria de Saúde informou a ocupação de 10 leitos. Foi a primeira vez desde maio que a unidade registrou um número tão baixo de ocupação. Antes, a média era de 16 a 18 leitos ocupados. Destaque também para o Hospital de Campanha Monte Carmelo, que possui 100 vagas, e que nos últimos dias vem registrando menos de 10% de ocupação – a unidade temporária nunca chegou a ultrapassar 20% da capacidade.

 

O Portal Zap ressalta que os números que serão apresentados mais tarde no boletim da Secretaria Municipal de Saúde de Petrolina – que deve sair após às 19h – podem divergir dos constados nessa matéria, visto que o fluxo de pacientes internados está sujeito à variação constantemente. 

Compartilhar agora
X