Mandetta é exonerado do cargo de Ministro da Saúde

Luiz Henrique Mandetta foi exonerado da função de Ministro de Saúde. Ele foi chamado ao Palácio do Planalto na tarde desta quinta-feira (16) para se reunir com o presidente Jair Bolsonaro: “Acabo de ouvir do presidente Jair Bolsonaro o aviso da minha demissão do Ministério da Saúde. Quero agradecer a oportunidade que me foi dada, de ser gerente do nosso SUS, de pôr de pé o projeto de melhoria da saúde dos brasileiros e de planejar o enfrentamento da pandemia do coronavírus, o grande desafio que o nosso sistema de saúde está por enfrentar”, escreveu Mandetta em seu Twitter.

 

Mandetta defende o isolamento social como forma de reduzir a velocidade da contaminação. Bolsonaro fala em isolar somente idosos e pessoas com doenças crônicas, permitindo o funcionamento do comércio sem as restrições a atividades econômicas determinadas por governadores.⠀ ⠀

 

Mandetta e Bolsonaro também divergiram sobre o uso da cloroquina, remédio usado no tratamento de malária, por pacientes com covid-19, a doença provocada pelo coronavírus.⠀

O presidente divulga o uso do medicamento, apesar da falta de comprovação científica da eficácia do remédio contra o coronavírus. Mandetta não recomenda o uso sem acompanhamento médico e destacou em entrevistas que a ciência não confirmou que a cloroquina funciona no tratamento do coronavírus.⠀ ⠀

 

Foto: AgÊncia Brasil

Compartilhar agora
X