“Ignorância que eu paguei caro”: Cauan pede desculpas por vídeo em que ironiza o coronavírus

O cantor Cauan Máximo, da dupla com Cleber, pediu desculpas por um vídeo, gravado em março, em que aparecia ironizando a doença e afirmando que não tinha medo do vírus. Em entrevista ao Fantástico, ele disse estar arrependido pela forma como agiu e pediu que as pessoas “deem a importância que a covid merece”.

 

“Eu me arrependo. Aquilo foi uma infelicidade muito grande. Uma ignorância que eu paguei caro. Eu quero pedir desculpas mesmo e me retratar, me retratar como? Pedindo que as pessoas deem a importância que a doença merece, a importância que a Covid merece”, disse Cauan, que recebeu alta médica na última quarta-feira (26), em Goiânia. O artista ficou 14 dias internado se recuperando do coronavírus, sendo nove em uma UTI, onde chegou a ter 75%m dos pulmões comprometidos em decorrência da doença.

 

O cantor disse ainda que cometeu “vários erros” durante a pandemia e citou, inclusive, que acredita que tenha transmitido o vírus aos seus pais, que atualmente estão hospitalizados com a doença. Cauan começou um tratamento em casa, com várias sessões de fisioterapia, para reabilitar os pulmões, que ainda estão comprometidos por conta da covid-19, fazendo um trabalho para reaprender a respirar e aumentar o fôlego.

Compartilhar agora
X