Fenômeno raro: Marte atinge ponto mais próximo da Terra

Marte está o mais perto da Terra possível: a uma distância de “apenas” 62,07 milhões de quilômetros. Esta semana será o período no qual o planeta vermelho estará ainda mais próximo do nosso, posicionado quase que perfeitamente para ser visto pelos dois hemisférios e com um brilho intenso que permite que ele seja visto no céu à noite.

 

Marte estará visível por boa parte da noite do céu no Sul, sendo que seu pico aconteceu na madrugada de hoje (6). Esse é um fenômeno que, segundo especialistas, só vai acontecer novamente daqui a 15 anos, em 2035. O que acontece é que a cada 15 anos, durante o verão marciano, o planeta fica mais próximo do Sol e também da órbita terrestre.

 

Entretanto, a Nasa alerta: Marte não ficará do tamanho da Lua em nosso céu.

Compartilhar agora
X