Famosos na política: saiba quais personalidades se destacaram nas eleições municipais de 2020

Não é de hoje que muitas celebridades tentam fazer seus nomes na política. Nas eleições municipais de 2020, não foi diferente. Muitos e muitas pleitearam vagas principalmente no Poder Legislativo em diversas cidades do país. Entre as personalidades baianas, tem-se Mário Brasil, que foi vocalista da banda ‘O Troco’ e obteve menos de 400 votos; Leo Kret do Brasil, pelo DEM, ficou como suplente com mais de 3,5 mil votos; e A Braba, ex-backing vocal da banda La Fúria, que pelo Podemos, ficou como suplente com pouco mais de 300 votos. Todos disputaram o Legislativo em Salvador.

 

Milena Bemfica, ex-mulher do goleiro Jean, revelado no Bahia, e que ganhou espaço na mídia após denunciar uma agressão cometida pelo rapaz, também não foi eleita. Disputou a vaga na Câmara em Salvador pelo PSD e ganhou 330 votos. Alex Xella, cantor de pagode da Bahia, foi um dos que menos obteve êxito: disputando pelo Democrata Cristã, também em Salvador, ele obteve apenas 95 votos, mas ainda assim, ficou como suplente.

 

Entre as personalidades nacionais, destaque para, destaque para Thammy Miranda (PL), filho da cantora Gretchen, que ficou entre os vereadores mais votados da capital paulista, e o cirurgião plástico Dr. Rey, que se elegeu como vereador em Vargem Grande Paulista-SP, pelo Podemos. Outros não tiveram sucesso. Kid Bengala (PTB), Nenem (Pros), da dupla Pepê e Nenem, a ex-atleta olímpica Maurren Maggi (DEM) e o ex-ginasta Diego Hypolito (PSB) não tiveram sucesso. Marcelinho Carioca pleiteou o cargo de vereador também em São Paulo pelo PSL, mas não foi eleito, bem como o ex-BBB e médico cirurgião Marcos Harter, que pelo Solidariedade, concorreu a vereador por Sorriso, em Mato Grosso, mas não conseguiu se eleger.

Compartilhar agora
X