Curso municipal de Medicina em Petrolina terá vestibular em 2022; veja os detalhes

Petrolina-PE terá a partir do próximo ano, um novo curso de Medicina. Será o primeiro curso da área implantado em uma faculdade municipal no estado. O Conselho Estadual de Educação de Pernambuco (CEE-PE) aprovou, em votação unânime na quarta-feira (23), a implantação, após um processo que começou em dezembro de 2018, quando a Faculdade de Petrolina (FACAPE) apresentou o projeto de intenção do curso. A notícia foi confirmada hoje (25), pelo prefeito Miguel Coelho, após reunião com a diretoria da instituição.

 

Quando estiver funcionando, serão 100 vagas destinadas à formação de alunos no curso municipal de Medicina. A graduação terá alguns diferenciais para a saúde pública da região, já que a formação dos alunos será voltada para a atenção primária, ou seja, o atendimento médico básico e mais procurado pelas comunidades. Além disso, o curso municipal de Medicina terá uma cota de 30% das vagas para estudantes da região que abrange a chamada Rede PEBA (Pernambuco/Bahia), constituída por municípios próximos de Petrolina, garantindo assim que os estudantes tenham vínculo com o Sertão do São Francisco.

 

De acordo com o prefeito, para garantir a abertura do curso em 2022, a Prefeitura de Petrolina investirá cerca de R$ 2 milhões em obras e compra de equipamentos para a estrutura de ensino. Durante o período de avaliação do projeto do curso, a Facape trabalhou a adequação arquitetônica do Campus, melhorando a infraestrutura com adequação das medidas contra incêndios e acessibilidade em toda a área construída, incluindo portas mais largas nas salas de aula, abertas para fora, rampas, corrimões, linhas horizontais para deficientes visuais (piso tátil). As plantas das salas de tutoria também foram apresentadas, já que são obrigatórias, por se tratar de um curso que tem em projeto, aulas baseadas em metodologia ativa.

Compartilhar agora
X