COVID-19: Vacinação em crianças deve começar em janeiro. Governo de PE diz que não exigirá receita médica

O Ministério da Saúde divulgou nota nesta segunda-feira (27) na qual afirma que a imunização de crianças de 5 a 11 anos de idade contra a Covid-19 deve começar em janeiro. No texto, a pasta ainda afirma ser favorável à vacinação desse público. A previsão do ministério é que as doses cheguem a partir de 10 de janeiro.

 

A manifestação ocorre um dia depois de a secretária extraordinária de enfrentamento à Covid-19, Rosana Leite de Melo, afirmar em nota técnica enviada ao STF (Supremo Tribunal Federal) que a vacina contra Covid-19 desenvolvida para crianças é segura, que o imunizante é uma ferramenta de proteção e que a vacinação vai atenuar interrupções de aulas na pandemia.

 

O Governo de Pernambuco, por exemplo, já anunciou que, quando iniciar a vacinação de crianças com idades entre 5 e 11 anos, não irá exigir a apresentação de prescrição médica por parte dos pais e responsáveis. A medida valerá para todo o Estado. O início da imunização para este público será feito assim que a Pfizer entregar as vacinas, o que está previsto para o mês que vem.

 

A vacina é segura e já foi aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A decisão do Governo de Pernambuco está em consonância com o posicionamento do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Compartilhar agora
X