Com vacinação avançada, Nova York volta a receber eventos e planeja megashow em agosto

Com índices de vacinação em alta e os casos de coronavírus em queda, os EUA retomam aos poucos a vida normal. Em Nova York, por exemplo, está rolando o projeto Picnic Performances, que terá 25 eventos de música, dança e teatro ao ar livre gratuitamente. A estreia foi nesta quarta-feira (9), no Bryant Park, no centro de Manhattan, com apresentação da Filarmônica de Nova York e que teve músicas de Mozart, Joseph Bolognes, Chevalier de Saint-Georges e sons americanos, incluindo uma peça da jovem compositora Ilana Rahim – Braden.

 

Ex-epicentro da pandemia, Nova York também planeja um megashow no Central Park em agosto para celebrar a retomada da “normalidade” na cidade. De acordo com o New York Times, o prefeito Bill de Blasio está organizando uma apresentação em grande escala com vários shows. O evento, provisoriamente marcada para 21 de agosto, não tem ainda nenhum artista confirmado, mas Clive Davis, produtor musical reconhecido na indústria musical e que lidera o projeto, disse que está almejando oito estrelas “icônicas” para apresentar um show de três horas para 60.000 participantes e uma audiência televisiva mundial.

 

Segundo o New York Times, o prefeito disse em uma entrevista que o show faz parte de uma “Semana de Boas-vindas” para mostrar que a cidade de Nova York está voltando da pandemia – uma celebração para os residentes e aqueles da região que podem não ter visitado o local por um tempo, durante a pandemia.

 

*com informações AlôAlôBahia e Portal Pop Online

foto: reprodução

Compartilhar agora
X