Portal Zap - Chegou a hora de separar os homens dos meninos; Veja também a seleção da primeira fase em nossa coluna da Copa


Chegou a hora de separar os homens dos meninos; Veja também a seleção da primeira fase em nossa coluna da Copa
Se liga:
publicada em 28/06/2018

Irã e Marrocos abriram o grupo B - Foto: FIFA

Voltem sempre

Conhecemos a partir de agora as 16 melhores seleções da copa. Há controvérsias. Ficaram pra trás alguns esquadrões que poderiam muito bem terem avançado para as oitavas de final. Marrocos, por exemplo, mostrou um futebol muito interessante nesta edição do mundial. Conseguiu aliar um ótimo desempenho defensivo com boas movimentações ofensivas e por um acaso do esporte, não figura na próxima fase.

O Irã, que fazia parte do mesmo grupo marroquino, também é outra seleção que não faria feio numa fase posterior. O sistema defensivo da seleção iraniana foi um dos pontos altos desta copa. Por pouco, mas muito pouco mesmo, não eliminava uma das grandes seleções do seu grupo, que era Espanha e Portugal.

Senegal, com seu treinador Aliou Cissé, único treinador negro desta copa, mostrou também um bom futebol. Os senegaleses jogaram pra frente, mostraram que sua seleção tem bons valores, mas infelizmente por ter levado dois cartões amarelos a mais que o Japão, perdeu a vaga na próxima fase. Uma pena.

Marrocos, Irã e Senegal, voltem sempre.


Separando os homens dos meninos

Chegou a hora de matar ou morrer. A segunda fase da copa não é, definitivamente, para os fracos. Só os fortes entendem e sabem como é difícil disputar jogos de "mata a mata". Teremos confrontos imperdíveis logo nas oitavas, França contra a Argentina e Portugal que enfrenta o Uruguai. Serão finais antecipadas.

Prepara o coração. 

 

SELEÇÃO DA PRIMEIRA FASE
por Bruno Lopes

 

OCHOA - MÉXICO

Senhor Copa do Mundo. Ele se renova de quatro em quatro anos. Em 2014, no Brasil, Ochoa foi um dos destaques da seleção mexicana, fechando o gol inclusive no jogo contra o Brasil. Neste mundial, o goleiro novamente fez a diferença na boa campanha do México.

MARIO FERNANDES - RÚSSIA

Com Daniel Alves machucado e com seus reservas não inspirando confiança, Mário Fernandes cairia como uma luva com a camisa 2 brasileira. Mário é brasileiro naturalizado russo e não quis vestir a amarelinha quando convocado em 2011. Nesta copa, o lateral vem fazendo um belíssimo torneio. Seguro na defesa e perigoso na descida ao ataque.

GODIN - URUGUAI

A muitos anos, Godín é considerado um dos melhores zagueiros do mundo. Nesta Copa, ao lado de Gimenez, são símbolos da raça e do poderio defensivo uruguaio. Rápido, tem boa recuperação e ainda arrisca boas cabeçadas no ataque.

GRANQVIST – SUÉCIA

Zagueiro/zagueiro como diria o velho Luxemburgo. Forte, viril e com uma consciência defensiva muito boa, o capitão fez diferença neste sistema sueco. O jogador se destacou pela Suécia, principalmente no jogo contra a Alemanha. O zagueirão que marcou dois gols neste mundial, já admitiu que após o torneio se despede da seleção.

GALLARDO - MÉXICO

Rápido e habilidoso, Gallardo foi um dos destaques desse México que surpreendeu a todos. O jogador foi um desafogo pela ponta, criou e participou de lances decisivos nesta copa a favor do México

MODRIC - CROÁCIA

Talvez o melhor da Copa até o momento. Você não o ver dando dribles desconcertantes, fazendo muitos gols, mas Modric dá ritmo ao time croata, abre espaços, dá passes importantíssimos para abrir a defesa adversária e ainda chega bem na área para definir. Ele foi um dos responsáveis pelo baile em cima da Argentina na segunda rodada.

RAKITIC – CROÁCIA

O jogador do Barcelona, ao lado de Modric, faz uma dupla dos sonhos de qualquer treinador. Dois jogadores aplicadíssimos na marcação e que têm enorme potencial na armação da equipe. Rakitic, assim como seu colega de meio campo, vem jogando demais a Copa do Mundo

COUTINHO - BRASIL

Que Copa vem fazendo o menino Coutinho. Ele não vem tendo aquelas atuações brilhantes que estamos acostumados, mas, mesmo assim vem sendo decisivo com a camisa do Brasil. Dois gols, uma assistência e criou várias jogadas importantes para nossa seleção nos jogos.

CHERYSHEV- RÚSSIA

A Rússia surpreendeu na primeira fase da copa. Quem também chamou à atenção foi o meio campo Cheryshev, que iniciou a competição no banco de reservas, entrou no lugar de seu companheiro machucado ainda no primeiro jogo e foi um dos responsáveis pela campanha eficiente da dona da casa. Marcou três gols em três jogos e participou ativamente das grandes jogadas de sua seleção que marcou oito vezes neste evento.

RONALDO - PORTUGAL

O craque português dispensa comentários. Já abriu a copa mostrando seu cartão de visita, mandou logo três de uma vez pra dentro do gol. Fora isso, comanda dentro de campo a seleção portuguesa. Jogador importante que eleva o nível de sua equipe nesta copa.

LUKAKU - BÉLGICA

Forte, habilidoso, veloz, alto, completo, Lukaku é um dos destaques da Bélgica nesta Copa do Mundo. O jogador não enfeita, é goleador nato. Neste mundial, ele é um dos artilheiros e candidatos a ser o melhor da copa.

TÉCNICO: DALIC ZLATKO

Responsável por comandar, no meu ver, a seleção que vem jogando o melhor futebol desta copa. Enfrentou adversários fortíssimos, se saiu muito bem e é grande candidata a uma das surpresas do mundial. Dalic Zlatko achou um esquema forte defensivamente, aliando contra ataques mortais com seus jogadores de frente.

 

Concorda? Comente.

Por Bruno Lopes
TAGS: copa do mundo, portalzap, russia, futebol, brasil