Portal Zap - COLUNA DA COPA: Show de vídeo no mundial, a força uruguaia e muito mais


COLUNA DA COPA: Show de vídeo no mundial, a força uruguaia e muito mais
Confira:
publicada em 25/06/2018

 

Vídeo Show

Não, não vamos falar aqui sobre o programa global. Vamos abordar nesta coluna, a participação da tecnologia do vídeo arbitragem que foi decisiva nas partidas de hoje do Grupo B. Em quatro lances, o VAR participou diretamente e mudou o rumo dos jogos entre Marrocos e Espanha e Portugal e Irã.

Como seria o jogo se o VAR não tivesse confirmado o pênalti em Cristiano Ronaldo? O que aconteceria se o VAR não auxiliasse na mão na bola de Rafael Guerrero? E se o “bandeirinha” mantivesse o impedimento de Aspas no gol espanhol que empatou a partida?

Dificilmente saberemos como terminaria cada jogo, mas os “românticos” que me desculpem, sou a favor da justiça no futebol.

Nesta copa, tivemos 20 pênaltis marcados, oito deles foram com a ajuda do VAR.
 

Foto: FIFA

Venderam caro

No sorteio da copa, lá atrás, duvido se algum torcedor português ou espanhol tivesse consciência do quão seria difícil este grupo em que dividiam com o Irã e o Marrocos.

Já havíamos comentado nesta coluna, que a seleção de Marrocos teria sido a mais injustiçada deste mundial. Os africanos jogaram um belo futebol, claro, dentro de suas limitações técnicas, mostrando uma defesa sólida, um time organizado e que mostrou que se continuar nesta crescente, dará ainda mais trabalho às grandes seleções.

O Irã da mesma forma, time bem postado em campo, com uma consciência defensiva perfeita e como só camisa pesada entorta varal, os espanhóis e portugueses conseguiram seguir adiante nesta copa, mas pagou um preço caríssimo.

Iranianos e marroquinos, voltem pra casa, mas de cabeça erguida.


RFS RU
 

Ahhh, os uruguaios...

Que raça, amigos?! De onde sai tanta força mental desses uruguaios? Pasmen, a melhor campanha até agora da Copa do Mundo é dos nossos vizinhos. Três jogos, três vitórias, não levou nenhum gol, marcou cinco e a seleção é considerada por muitos, ultrapassada, com média de idade de seus jogadores muito alta.

“Ahhh, mas os caras só jogam no contra ataque”, “Só joga no erro adversário”...Comentários a parte, o Uruguai, que tem o “mestre” Oscar Tabarez como o grande responsável por um time tão sólido e eficiente, mostra que se deixarem vai chegar longe nesse mundial.

Pensem, eles têm a melhor defesa da copa, tanto em número, quanto em jogadores (Godín e Gimenez formam a zaga, os dois são considerados um dos melhores do mundo), a “meiúca” composta por jogadores fortes e com consciência tática perfeita, além disso, conta com um dos melhores ataques do mundo, ou melhor, Cavani (aquele mesmo que brigou com Neymar por ser cobrador de pênalti no PSG) e Luizito Suárez (aquele mesmo, da mordida na copa do Brasil). Tá achando pouco? Sei...

Um aviso, não deixem os uruguaios gostarem da copa. Atenção portugueses, a próxima vítima pode ser vocês.

por Bruno Lopes
TAGS: copa do mundo, portalzap, russia, futebol, brasil